Meio Ambiente

DIA NACIONAL DE LUTA DOS POVOS INDÍGENAS No ratings yet.

Dia 7 de fevereiro é o Dia Nacional de Luta dos Povos Indígenas. Reconhecida a partir da lei nº 11.696, de 12 de junho de 2008, a data homenageia o guerreiro guarani Sepé Tiaraju, morto neste dia há cerca de 60 anos, durante a invasão espanhola da Colônia de Sete Povos das Missões. Esta data tem o intuito de reconhecer a luta dos povos indígenas brasileiros para preservação de suas terras e cultura.
Segundo o último relatório sobre “Violência Contra os Povos Indígenas no Brasil”, divulgado no dia 15 de novembro de 2016 pelo Conselho Indigenista Missionário (CIMI), 137 índios morreram vítimas de assassinato no ano passado no Brasil, sendo o Estado do MS, apresentou 20 casos de homicídio só em 2016, representando 26% do total.
Outro dado importante diz respeito à saúde da população indígena: a principal dificuldade para a viabilização do Subsistema Especial de Atenção à Saúde Indígena no Brasil, que se arrasta desde a sua criação no ano de 1999, diz respeito ao mecanismo de contratação dos Recursos Humanos para o desenvolvimento das ações de assistência à saúde nas comunidades.
Tanto a criação dos Distritos Sanitários Especiais Indígenas em 1999, como da Secretaria Especial de Saúde Indígena em 2010, foram fundamentadas no caráter excepcional que caracteriza a assistência à saúde das populações indígenas no país. A modalidade de contratação de recursos humanos adotada desde o início e até hoje, por meio de convênios com organizações da sociedade civil, não é a mais adequada, sendo objeto de um Termo de Conciliação Judicial (TCJ) assinado há vários anos que obriga o governo federal a adotar uma nova forma de contratação para a prestação deste serviço.

A Coordenação de Meio Ambiente (CoMA) da DENEM escreve como denúncia ao histórico extermínio dos povos indígenas do Brasil e vem promover essa conscientização para os estudantes e demais cidadãos.

Please rate this

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *